Tempo sobrando pra matar dentro de casa nessa quarentena eterna? Melhor oportunidade para aprender mais sobre os seus jogos favoritos não há!

Já apresentamos para você as diferentes (e inúmeras) versões do Buraco, famoso jogo de cartas que entretém gerações, sendo passado de vó para tia e de tia para sobrinhos por décadas.

Agora, chegou a vez da estrela dos jogos de tabuleiro, que é passada de vô para pai e de pai para filhos há anos sem fim: o dominó!

Breve recapitulação da antiga história do Dominó

Se a origem das primeiras cartas de baralho praticamente se perde no tempo, imagina tentar rastrear quando surgiram as primeiras peças e jogos de tabuleiro, considerando que pedras estavam a uso da humanidade bem antes que o papel.

Quando se trata do dominó, a teoria mais aceita é a de que ele teria surgido na China entre 243 a 181 a.C., criado por um soldado chamado Hung Ming, sendo que cada peça representa um dos 21 resultados possíveis no lançamento de um par de dados.

Na época, as peças se assemelhavam muito ao baralho, outra invenção do país, e inclusive eram chamadas de “cartas ponteadas”.

Não há registro das voltas do jogo pelo mundo, até meados do século XVIII, quando apareceu na França e na Itália, onde era praticado como passatempo pela nobreza. 

De lá, o jogo migrou para o resto do ocidente, tendo vindo parar no Brasil ninguém sabe exatamente como, mas a gente agradece.

Alguns estudiosos sustentam ainda, que por ser um jogo extremamente simples, o dominó pode ter aparecido simultaneamente em várias partes do mundo, como o jogo-da-velha.

Existem duas possíveis origem para o nome Dominó e ambas têm a ver com religiosos. A primeira diz que o nome vem da expressão “domino gratias” que quer dizer “graças a Deus”, dita pelos padres europeus quando ganhavam. A segunda, aponta que “domino” é a palavra francesa para uma capa usada pelos padres cristãos e cujo capucho era branco no interior e preto no exterior.

Como jogar as diferentes versões do dominó

Como acontece com todo jogo que vence o tempo e as barreiras geográficas, o dominó acabou ganhando diferentes regras e modos de jogar.

Embora no Brasil o dominó clássico domine a preferência do povo, na Europa e Estados Unidos suas variações são bem difundidas e praticadas.

Aqui no MegaJogos você encontra três versões do dominó, sobre as quais vamos falar mais a seguir:

Dominó Clássico 

A versão clássica do jogo é praticada por quatro participantes que formam duas duplas. São usadas 28 peças, com lados variando de 0 a 6. 

As peças são “embaralhadas” na mesa, com os valores virados para baixo, e cada participante pega 7 peças para jogar. O que sobrar permanece sobre a mesa para a compra. Inicia a partida quem tiver o dobre mais alto (peças 6-6, 5-5, 4-4…), se nenhum jogador possuir um dobre, começa quem tiver a peça com valor mais alto (6-5, 6-4…). A partir daí, joga-se no sentido anti horário. 

Cada jogador, na sua vez, deve tentar encaixar uma peça em uma das pontas do jogo. Quando o jogador não tem nenhuma peça que encaixe e não sobrou nenhuma para comprar, ele passa a vez, sem jogar.

A partida pode terminar em duas circunstâncias: quando um jogador consegue bater o jogo (acabando com todas as peças que tem), ou quando o jogo fica trancado. 

Contagem

A dupla que possuir menos pontos é a vencedora, e leva todos os pontos da dupla adversária. Caso haja um empate nesta contagem de pontos, a dupla que trancou o jogo perde, e a dupla vencedora leva todos os pontos desta dupla. Os pontos da dupla vencedora são acumulados e o jogo termina quando uma das duplas consegue atingir 50 pontos.

Valor em pontos

O valor em pontos de cada peça corresponde à soma dos valores das duas pontas. Dessa forma, a peça 0-0 vale 0 pontos, a peça 3-4 vale 7, a peça 6-6 vale 12 e assim por diante.

Dominó Mano a Mano 

Versão um contra um, o dominó mano a mano é igualmente divertido, exigindo memória e atenção, uma vez que seu ritmo costuma ser mais acelerado.

As regras são quase as mesmas do dominó clássico, o que muda (além do número de jogadores), é que na hora da compra de peça, o jogador da vez compra quantas forem necessárias até que tire uma que encaixe no jogo. Nas outras versões, cada jogador só pode comprar uma vez.

 

Dominó Ponta de 5 

Bastante popular entre a marinha brasileira, o dominó ponta de 5 deixa as coisas ainda mais interessantes, com regras diferenciadas de jogo e contagem de pontos.

Para começar, a disposição das peças é diferente das outras versões. No Ponta de 5, a primeira dobra a ser jogada na mesa serve como base para abrir mais duas pontas além das tradicionais, sendo que o jogador pode encaixar peças nas pontas de cima e de baixo também. Não é preciso obrigatoriamente abrir essas pontas, mas é um recurso para conseguir mais pontos.

Outra grande diferença é que a pontuação só ocorre quando um dos jogadores consegue encaixar uma peça onde a soma de todas as pontas abertas é um múltiplo de 5. Ou seja, as duas ou as quatro extremidades (depende de quantas foram abertas) das peças que ocupam as pontas do jogo devem ser múltiplas de 5.

Um jogador só poderá somar 5, 10, 15, 20, 25 ou 30 pontos por jogada. Para a pontuação, não importa a quantidade de peças que ficam na mão dos participantes após terminar a rodada, somente os pontos feitos durante a partida.

A equipe que primeiro conseguir 100 pontos será a ganhadora. No entanto, se ambas as duplas fizerem mais de cem na mesma rodada, ganha a que fizer mais pontos.

Dominó no MegaJogos

Agora que você conhece as variações do Dominó, comece a praticar!

No MegaJogos você escolhe qualquer uma das versões e pode jogar sempre que tiver vontade, aproveitando para passar o tempo em casa e, quem sabe, ainda fazer alguns mega amigos nas nossas salas de jogo virtuais.

E se você for fã de jogos de tabuleiro em geral, explore o site e divirta-se com opções como Xadrez, Damas, Ludo, Bingo e muito mais.

Sacuda o tédio para longe, junte-se a nós e faça parte da maior plataforma de jogos online do Brasil!

Deixe um comentário